CUIABÁ

AGRONEGÓCIO

USDA: EUA realiza embarques semanais de grãos e soja

Publicados

AGRONEGÓCIO

O USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) divulgou nesta segunda-feira (27) seu novo relatório semanal de exportação de trigo com dados antecipados para soja, milho e trigo.

Na semana passada, no dia 23 de junho, os EUA embarcaram 468.309 toneladas de soja, ante estimativas de mercado de 300.000 a 575.000 toneladas. Em todas as safras, o país exportou 51.372.809 milhões de toneladas, volume 10% inferior ao do ano passado.

Para o milho, os embarques semanais foram de 1.246.014 milhão de toneladas, e dentro da faixa esperada de 900.000 a 1.250 milhão de toneladas. De acordo com o documento, o gasto total para a safra 2021/22 atingiu 47.416.406 milhões de toneladas, 17% inferior ao mesmo período da safra passada.

O país também embarcou 352.404 toneladas de trigo, e dentro da meta de 300.000 a 600.000 toneladas. Para a safra 2022/23 – que começou em 1º de janeiro – foram embarcadas 1.339,338 milhões de toneladas, 13% a menos que o mesmo período da safra 2021/22.

Fonte: Agroplus.tv

Leia Também:  Em quatro dias, o Circuito Aprosoja já percorreu cerca de 2 mil km
Fonte: AgroPlus

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

AGRONEGÓCIO

Nova modalidade do campo aprendiz é inaugurada em Quatro Marcos

Publicados

em

Por

Iniciou na última semana, a primeira turma do Curso de Aprendizagem Rural – Apoio à Agricultura Floresta. Ele é uma nova modalidade do Programa Campo Aprendiz, que capacita jovens aprendizes para trabalharem em empresas do setor agropecuário. Essa primeira turma é ofertada em São José dos Quatro Marcos, pela parceria entre Sindicato Rural e Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Mato Grosso (Senar-MT). Ela terá duração de dois anos.

O objetivo desta formação é capacitar jovens para atuarem na área florestal. Dentre os conteúdos específicos trabalhados estão introdução ao cultivo, preparo de solo, plantio de floresta, tratos culturais, colheita, entre outros. O curso possui carga horária total de 960 horas aula, divididas entre parte teórica e a prática profissional, que nesta turma ocorrerá na empresa 4M Florestal. O programa é desenvolvido na modalidade presencial.

O Senar-MT é a entidade formadora dos alunos contratados como aprendizes em empresas agropecuárias e a metodologia é desenvolvida pela Equipe de Produtos Educacionais (EPED) da instituição.  

Leia Também:  Aprosoja-MT e APEL conquistam cessão de maquinários para manutenção da MT-322

De acordo com a analista da Eped, Edinalva Hayashida, o objetivo vai além de cumprir a Lei da Aprendizagem nº 10.097/2000. “Permitimos aos nossos clientes, produtores e trabalhadores rurais, não só o cumprimento da legislação específica, mas também a contínua melhoria dos indicadores agrícolas já que a capacitação da mão de obra impacta diretamente nos resultados do setor”, afirma. 

Além desse formato de florestas, há outros dois modelos de aprendizagem: o curso de Aprendizagem Técnica, realizado em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai-MT) e outra modalidade do Programa Campo Aprendiz focado na aprendizagem em mecanização agrícola.

Requisitos – Podem participar jovens de 18 a 24 anos de idade, que estejam matriculados, frequentando a escola e, que possuam contrato de trabalho especial de aprendizagem. Os critérios são importantes para garantir que os jovens possam cumprir efetivamente os três pilares do processo de aprendizagem: escola, trabalho e formação profissional.

Fonte: ASCOM Senar

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

MATO GROSSO

POLÍCIA

MAIS LIDAS DA SEMANA