CUIABÁ

MATO GROSSO

Cerca de 100 feirantes passam por exame preventivo ao câncer de próstata

Publicados

MATO GROSSO


A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT), por meio das equipes técnicas do Centro Estadual de Referência em Média e Alta Complexidade (Cermac), da Superintendência de Assistência Farmacêutica (SAF) e do Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen), realizou uma ação de prevenção ao câncer de próstata neste sábado (27.11). A ação ocorreu na Feira do Porto, em Cuiabá, das 8h às 11h, e promoveu o atendimento de cerca de 100 feirantes. 

O Laboratório Central de Cuiabá (Lacec) também foi parceiro da ação. Além da panfletagem de material com orientação especializada, foi ofertado o exame clínico de sangue – conhecido como PSA (Antígeno Prostático Específico) – para homens feirantes que se enquadraram nos requisitos necessários.

A triagem levou em consideração homens com mais de 50 anos ou com mais de 45 anos que tenham fator de risco.

“Essa é uma ação preventiva, de estímulo aos homens. A necessidade do exame de próstata e a importância desse cuidado já está bastante ensejada junto ao público masculino. Neste sábado, promovemos algo em torno de 100 atendimentos na Feira do Porto, o que evidencia à adesão do público”, declarou o secretário de Estado de Saúde, Gilberto Figueiredo.

Mesmo que a busca ativa e os exames de detecção do câncer de próstata sejam responsabilidade da Atenção Básica municipal, o Estado auxilia com ações pontuais de prevenção à doença e de promoção à saúde do homem. 

Leia Também:  Operação Dispersão IV identificou 37,6 mil pessoas em situação flagrante de aglomeração em MT

Para o presidente da Associação dos Feirantes do Mercado do Porto, Jorge Lemos Junior, a ação do Estado estimulou os feirantes a realizarem o exame. “É muito importante essa parceria com o Governo do Estado e com a Secretaria Estadual de Saúde porque muitos têm o receio de irem fazer o exame. Com essa parceria, fica muito mais fácil a identificação do diagnóstico precoce do câncer de próstata”, disse o feirante.

De acordo com estimativa do Instituto Nacional do Câncer (Inca), para cada ano do triênio 2020-2022, ocorrerão 625 mil casos totais de câncer no Brasil, sendo que o câncer de próstata representa 29,2% do total de casos em homens.

“Nós selecionamos previamente, orientamos sobre a coleta e realizamos os exames de sangue, mas é preciso que os homens tenham a consciência de que o exame clínico com o médico é muito importante, pois 20% dos casos de câncer de próstata não são detectados no exame de sangue”, enfatizou a farmacêutica da Farmácia Estadual, Elizângela Vicuna.

Ainda estiveram presentes na ação a diretora do Lacen, Elaine Cristina de Oliveira, e a superintendente da SAF, Luci Emilia Grzybowski.

Leia Também:  Fronteira passa a contar com mais quatro pontos com câmeras OCR
Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

MATO GROSSO

Estudantes da rede estadual terão aulas de inglês a partir do 1º ano do ensino fundamental

Publicados

em

Por


Estudantes dos anos inicias do Ensino Fundamental da rede estadual de ensino de Mato Grosso passarão a ter aulas de Língua Inglesa entre os componentes curriculares a partir deste ano. Por conta desta mudança, os professores receberão formação continuada por meio de plataforma virtual para ministrar as aulas.

Com investimentos de R$ 14 milhões, a Secretaria de Estado de Educação (Seduc) realizou a contratação da empresa Pearson Education do Brasil LTDA, que irá fornecer materiais pedagógicos, e da empresa EF (English First) para suporte no ensino do idioma no meio digital, tanto para professores quanto para os alunos do Ensino Médio da rede estadual de ensino. A contratação foi publicada no Diário Oficial.

“Pela primeira vez nós vamos atender todo o ensino fundamental do Estado de Mato Grosso com a língua inglesa. Tenho certeza que essa vai ser uma ação muito importante porque a atividade vai reforçar o conhecimento e aprendizado dos nossos estudantes e gerar novas oportunidades”, destaca o secretário de Estado de Educação, Alan Porto.

Ensino Fundamental

Com o objetivo de preparar os estudantes o mais cedo possível para a aprendizagem de uma nova língua, alunos dos anos iniciais do Ensino Fundamental (1° ao 5° ano) passarão a ter aulas de Língua Inglesa na matriz curricular pela primeira vez. Atualmente, os alunos têm a disciplina a partir do 6º ano até o final do ensino médio. Para isso, foram adquiridos materiais didáticos da empresa Pearson Education, com metodologia direcionada para o ensino do idioma às crianças. Para praticar a língua e incentivar a leitura, livros paradidáticos em inglês serão entregues disponibilizados nas bibliotecas das unidades escolares durante o ano letivo. O projeto de leitura pretende atender os estudantes do Ensino Fundamental e Ensino Médio.

Leia Também:  Terça-feira (16): Mato Grosso registra 550.349 casos e 13.973 óbitos por Covid-19

Ensino Médio                                                                                                                                                                              

Os estudantes do ensino médio receberão acesso à plataforma digital English Live, da empresa EF, como complemento dos conhecimentos adquiridos durante as aulas. Por meio da ferramenta, após um teste de nivelamento, os estudantes irão dispor de atividades de compreensão auditiva e escrita, de acordo com o seu grau de domínio do idioma.

Professores

Para que todos os professores da Língua Inglesa da rede estejam preparados para lecionar com os novos materiais, a Seduc irá proporcionar formação continuada para trabalhar com os materiais didáticos e paradidáticos.

Além disso, para que os professores do idioma melhorem a sua proficiência na língua inglesa, todos também receberão acesso à plataforma English Live (empresa EF). O conteúdo ficará disponível 24h por dia e permitirá que o profissional construa o seu percurso formativo conforme o seu nível de proficiência, com exercícios de fala, escrita e audição e aulas ao vivo com professores nativos.

Leia Também:  Valoração de danos ambientais: MPMT participa de publicação nacional

O acesso a plataforma será disponibilizado primeiro aos professores e depois aos estudantes, no decorrer do ano letivo. Cerca de mil professores serão beneficiados e, a partir da próxima semana, receberão notificação por e-mail com instruções para uso da ferramenta digital.

(Supervisão de Evelyn Ribeiro)

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

MATO GROSSO

POLÍCIA

MAIS LIDAS DA SEMANA